Quem sou eu

Minha foto
BELO JARDIM, NE/Pernambuco, Brazil
"... O sonho pelo qual brigo, exige que eu invente em mim a coragem de lutar ao lado da coragem de amar..." Paulo Freire Educador pernambucano

sexta-feira, 6 de maio de 2011

Participar é preciso!


A mídia local (blogs) noticiam que a Prefeitura de Belo Jardim cortará o repasse de sóci@s para o sindicato.

Ou seja, a contribuição sindical de cada filiad@ é descontada na folha de pagamento. A prefeitura recolhe e repassa o montante aos cofres do sindicato.

Neste momento, Prefeitura X Sindicato estão em pé de guerra. O Sindicato exige direitos da categoria e prefeitura/Sec.Educação não querem cumprir o que manda a lei, e na tentativa de enfraquecer a luta (justa) d@s professor@s o Prefeito Marco Coca-cola deixa de recolher/repassar tais valores.

Digo enfraquecer porque é com o dinheiro da contribuição de cada um/a que o sindicato pode pagar advogados, contratar serviços de carro de som, confeccionar faixas, boletins informativos, bancar os custos da sede do sindicato: água, luz, telefone, internet... enfim.

No entanto isso não é surpresa pra mim. Esse é o modelo DEM de governar! Marco Coca-cola está fazendo hoje com o SISMUBEJA o que Jarbas/Mendoncinha, fizeram com o SINTEPE (Sindicato Trabalhadores e Educação de Pernambuco) no passado. Outros Estados seguiram a mesma linha de pensamento, a exemplo de Santa Catarina com o SINTESC, lá a medida foi revertida na justiça.


A ação desses governos, não conseguiram enfraquecer a ação desses sindicatos, e são sindicatos que atingem toda uma categoria no Estado, o que fica mais difícil. Imagine o Sindicato ter estrutura para recolher a contribuição em mais de 180 cidades, como é o caso de Pernambuco.

E se não conseguiram no Estado, com certeza, companheir@s, não conseguirão em uma cidade do porte de Belo Jardim.


Se Jarbas/Mendoncinha não conseguiram enfraquecer o SINTEPE em nosso Estado, com certeza Marco Coca-cola/Wilsinho não conseguirão enfraquecer o SISMUBEJA.

O sindicato só será enfraquecido se a categoria quiser!

Quanto mais você participa, mas ele fica forte, essa é a receita!





2 comentários:

marcia disse...

Exelente a sua matéria sobre a greve amiga Adilza, obrigada pela colaboração em defesa a uma educação pública de qualidade. Precisamos nos tornar pessoas politizadas e enfrentar sem medo os desafios de uma greve,afinal de contas não estamos querendo nada a não ser o que temos por direito.

Jackeline disse...

Me sinto feliz por entender mais uma vez que a nossa luta não é em vão!!!Por entender que outras pessoas como nós, reconhecem a falta de respeito com que nós professores, estamos sendo tratados!!!!Obrigado Adilza por suas palavras e por acreditar junto a nós que unidos nós somos fortes e seremos vencedores!